08/10/2012

Cenas dos próximos capítulos: como a tecnologia tem mudado o mundo automobilístico e seu entorno

Não é necessário dizer como a tecnologia tem mudado a forma como a Humanidade se relaciona com o mundo independentemente da área sobre a qual falamos. No caso dos veículos automotivos, especificamente, o que observamos é que não é apenas uma questão de ser mais rápido, mais leve ou mais eco-friendly: desfrutamos das novidades movidas por nossa inquietação de ir sempre além do que já fomos – vide, por exemplo, nosso post sobre os carros elétricos, tido como uma solução para preservação do meio ambiente.

As novidades, claro, não se limitam a como os carros se transformaram do século XVIII para o século XXI (ficou curioso sobre a história do automóvel? Confira nossa apresentação): hoje, há aplicativo tanto para ajudar a escapar de engarrafamentos, como para socorrer quem perde o carro no estacionamento. E, se você pegar ônibus, não tem problema: já existem aplicativos como o “Próximo Ônibus Curitba” que fornece informações sobre as linhas de ônibus.

Separamos alguns exemplos das maravilhas que o futuro nos reserva:

Mais uma alternativa para a gasolina

A proposta do Audi e-Gas Concept é que seja possível usar tanto gasolina como gás metano, com motor de combustão interna – depois de algumas modificações. Esse metano será obtido através da metanação: um processo que usa eletrólise (por meio da rede elétrica) para criar hidrogênio que, combinado ao dióxido de carbono, cria metano.

Investimento pesado em aerodinâmica

Bonito, veloz e econômico: essa é a proposta do McLaren P1, esportivo que promete economizar combustível no dia a dia sem comprometer a potência e o desempenho.

Produção mais eficiente

Buscando maior economia de escala, a BMW quer tornar o motor modular de três cilindros cada vez mais presente na estrutura de seus veículos. Dessa forma, o mesmo cilindro de 0,5 litro poderá ser usado nos motores de três, quatro e seis cilindros, deixando a produção mais eficiente.

Fontes: Jalopnik BR e TechTudo

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Seja o primeiro a comentar!